Mesmo que não seja um bicho de sete cabeças, colocar um aparelho ortodôntico requer alguns cuidados especiais. Entre eles, uma boa ideia é montar um kit de higiene bucal para ajudar o seu paciente a manter a saúde da boca em dia.

Com a rotina corrida que a maioria das pessoas vive, o ideal é carregar alguns acessórios que facilitem a higienização em qualquer momento — o que contribui, inclusive, para a evolução do tratamento e manutenção de um sorriso bonito.

Então, não deixe de ler o post a seguir para aprender algumas dicas importantes para montar um kit como esse e compartilhá-lo com os seus pacientes.

Por que montar um kit de higiene bucal para o seu paciente?

O principal motivo é justamente poder higienizar os dentes e a boca em diferentes lugares e situações. Sobretudo para quem não fica muito em casa, é melhor carregar o kit para tê-lo sempre acessível — especialmente depois das refeições.

A ideia é reforçar para o paciente que, quando estamos fazendo um tratamento ortodôntico, é fundamental cuidar muito bem da higiene para preservar a saúde bucal e evitar problemas que possam atrasar os resultados desejados.

Além da importância da higiene bucal, sabemos que quem usa os modelos fixos precisa ficar mais atento para que os resíduos de alimentos não fiquem presos à estrutura do aparelho, comprometendo tanto a saúde como a aparência.

Como montar um kit básico e útil?

Para montar um bom kit é preciso ter em mente que o paciente deve contar com tudo que for necessário para higienizar os dentes e o aparelho fora de casa. Então, ele estará mais seguro carregando-o na bolsa, no carro, deixando-o no local de trabalho etc.

Veja, a seguir, algumas dicas importantes:

1. Escolha uma escova de cerdas macias

Na hora de escolher uma boa escova, a principal dica é optar por modelos de cerdas macias e retas. Um outro detalhe relevante é que a cabeça da escova não pode ser muito grande, porque isso dificulta que ela alcance os dentes posteriores.

É bom lembrar ao paciente que a escova de dentes do kit também deve ser renovada, normalmente a cada três meses — ou até antes disso, caso esteja muito desgastada.

2. Prescreva um creme dental especial

O creme dental é um facilitador da escovação, ajudando na remoção da placa bacteriana, na preservação do esmalte dentário e na renovação do hálito.

Nesse caso, a melhor maneira de oferecer um tratamento diferenciado é prescrever um creme dental individual, segundo as características e histórico odontológico de cada paciente.

3. Não esqueça do fio dental

É sempre bom ressaltar para os pacientes que o fio dental não deve ser utilizado apenas de vez em quando. Pelo menos uma vez ao dia ele precisa ser passado entre todos os dentes, já que as escovas não conseguem atingir todos os espaços.

Sem esse passo a limpeza não estará completa, principalmente para os pacientes que usam aparelhos ortodônticos que geralmente correm maior risco de ficar com algum resquício de alimento preso, causando incômodo, mau hálito ou até cáries.

4. Ofereça acessórios que facilitem o dia a dia

O ritual de higiene diário de uma pessoa que usa aparelho ortodôntico pode requerer alguns acessórios para facilitar o processo. No caso dos aparelhos fixos, instrumentos como uma escova interdental e passa fio podem ser bastante úteis.

Já quem faz o tratamento com os alinhadores removíveis tem maior facilidade para adaptação e higiene, pois eles podem ser retirados tanto na hora de comer como no momento de fazer a escovação.

5. Coloque tudo dentro de um local específico

Nesse ponto, é essencial orientar os pacientes de que carregar escovas e outros acessórios jogados na bolsa não é recomendável. É preciso ter mais cuidado para que eles não se misturem com objetos como carteira, dinheiro, chaves, entre outros.

Isso aumenta o risco de contaminação dos acessórios de limpeza, reduzindo, inclusive, a vida útil da escova. Portanto, dê o exemplo e ao montar o kit não se esqueça de guardá-lo em uma caixa, estojo ou bolsa para deixá-lo mais protegido.

E então, gostou das nossas recomendações para montar o kit de higiene bucal? Para continuar recebendo outras dicas e informações, não deixe de seguir os nossos perfis no Facebook e no Instagram!