Muitas são as recomendações para evitar os chicletes durante a infância. Na vida adulta, a guloseima ganhou ares de aliado para limpar os dentes e refrescar o hálito nos dias mais corridos, em que não há tempo para a escovação após o almoço.

Nem aliado, nem vilão, o chiclete não substitui a escovação, mas, de fato, pode trazer benefícios para a saúde bucal.

No nosso artigo de hoje, esclarecemos essa relação entre mitos e benefícios da goma de mascar. Afinal, chiclete limpa os dentes? Continue a leitura e saiba mais!

Chiclete limpa os dentes?

Mascar chicletes aumenta a salivação. A saliva equilibra o pH da boca, inibindo a ação das bactérias, que encontram mais dificuldade para se fixar nos dentes e fermentar os resíduos alimentares.

Todos os tipos de chiclete ajudam a limpar os dentes?

Apenas o chiclete sem açúcar pode ser consumido com esse fim. As versões açucaradas não são recomendadas, pois podem retirar o cálcio dos dentes e aumentar os riscos de desenvolver cáries.

Os chicletes sem açúcar são adoçados com uma substância conhecida como xilitol, o que acaba protegendo os dentes da ação das bactérias que vivem naturalmente na boca, já que elas não são capazes de fermentar xilitol, como fazem com o açúcar.

Mascar chiclete contribui para a saúde bucal?

Mascar chiclete, sem açúcar, reduz a formação de cáries — desde que sejam mantidas as demais ações de higiene bucal: a escovação e uso do fio dental.

Um estudo feito com crianças europeias, alunas da terceira e quinta séries, demonstrou que o grupo de estudantes que mascou um chiclete sem açúcar, depois de cada uma das três principais refeições, reduziu em 41,7% as lesões de cárie, em relação aos alunos que não mascaram chiclete.

Esse resultado foi observado após um ano de uso contínuo do chiclete sem açúcar. Já no período de dois anos, a redução no registro de cáries foi de 33,1%.

Redução de manchas brancas

Essa mesma pesquisa constatou uma redução de 43,6% nas manchas brancas dos dentes das crianças que mascavam chiclete. Após dois anos, a redução das manchas foi de 38,7%.

Todas as crianças que participaram da pesquisa — as que mascavam e as que não mascavam chiclete — escovavam os dentes com creme dental comum com flúor.

Por que o chiclete não substitui a escovação?

A escova é uma forma de limpar os dentes mecanicamente, por meio do atrito das cerdas com a superfície dentária, removendo os resíduos de alimentos que se prendem aos dentes durante a mastigação.

Mascar o chiclete, como dissemos, aumenta a salivação, mas não faz a limpeza dos restos alimentares presos aos dentes. Portanto, não cumpre o papel da escova e serve apenas para uma limpeza de emergência.

Por que não se deve exagerar no uso do chiclete?

Como tudo em excesso, mascar chiclete o tempo todo pode trazer danos à saúde bucal, mesmo a versão sem açúcar.

A mastigação prolongada pode sobrecarregar a mandíbula, levando a um desgaste dos ligamentos e dos ossos da articulação temporomandibular.

Pessoas que têm próteses como jaquetas, coroas ou pontes devem ter um cuidado ainda maior com o uso do chiclete, pois essas estruturas podem se soltar com a mastigação excessiva.

Respondida a pergunta se o chiclete limpa os dentes, cuide sempre de sua saúde bucal e faça da goma de mascar uma aliada, mas sem exageros.

Gostou do nosso post? Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais e divida com elas essas dicas!