A tecnologia e a odontologia andam sempre de mãos dadas — uma aproximação que promete crescer nos próximos anos. Nada mais natural, já que esse é um caminho comum e que promete facilitar a vida dos profissionais e pacientes nos próximos anos.

A tecnologia 3D, por exemplo, é usada para produzir muitos materiais e revolucionou o mercado. Embora ainda não esteja disponível no Brasil, esse tipo de tecnologia já se consolidou em muitos outros países.

Ficou curioso e quer saber como o processo acontece? Então não deixe de ler a postagem de hoje até o final. Vamos lá?

Como a tecnologia 3D funciona?

A tecnologia em três dimensões, também conhecida como 3D, chegou como uma forma de trazer uma perspectiva muito mais completa sobre determinada coisa. Isso significa que os profissionais conseguem analisar tudo com mais facilidade, pois têm uma visibilidade mais completa.

Como não é novidade para ninguém, ela se desenvolveu e chegou nos últimos anos as famosas impressões 3D, uma alternativa de criar produtos ainda mais bem montados e estruturados.

Como ela interfere na odontologia?

Essas novidades também chegaram ao mercado odontológico e trazem muitos benefícios, já que conferem um ótimo nível de acabamento, controles industriais e alta qualidade de reprodutividade. Tudo isso pode ser feito por meio de uma cadeia de produção um tanto quanto consistente e padronizada.

Isso tudo sem contar na redução de preços. Esse é um ponto que merece destaque, pois os trabalhos ficaram mais assertivos, com um prazo menor de entrega e com alta qualidade. Como você pode imaginar, uma combinação muito interessante.

Em que áreas ela atua?

A tecnologia 3D hoje trabalha na produção de peças de odontologia, ajudando na captação de arquivos digitais, exames de diagnóstico por imagem, scanners intraorais (que conseguem ler toda a anatomia da boca) e vários outros detalhes.

A impressão 3D promete chegar aos consultórios odontológicos trazendo facilidades na criação de implantes, próteses, contenções, aparelhos, reposições ósseas e cirurgias.

Ainda assim, um dos principais ganhos mensurados até hoje foi a criação de alinhadores transparentes confeccionados sob medida — por sinal, esses modelos já podem ser encontrados no mercado com a Orthoaligner.

Nesse caso, a sequência de modelos ideal para cada paciente é impressa e posteriormente plastificada, confeccionando a placa que o paciente deve usar e garantindo resultados ainda melhores.

Quais são os benefícios?

Os ganhos atingem os dentistas e os pacientes, ou seja, tem tudo para ganhar cada vez mais força e espaço no mercado atual. O dentista ganha no quesito produtividade, pois consegue entregar com ainda mais rapidez e diminuir o aparecimento de muitos problemas.

Além disso, sua rentabilidade aumenta e o reconhecimento do seu trabalho também, pois naturalmente apresenta uma qualidade superior.

O paciente também fica mais feliz com o uso desse tipo de tecnologia 3D na odontologia, pois percebe que é atendido com mais qualidade, tem mais conforto e ainda vivencia uma redução do tempo cirúrgico.

Esse tipo de tecnologia deve ganhar cada vez mais espaço no Brasil, atingindo os diversos momentos de um tratamento e trazendo ainda mais comodidade para o paciente.

Agora que você entende melhor como a tecnologia 3D promete revolucionar a odontologia, fique antenado a garanta resultados ainda melhores no seu tratamento. Se você se interessou por essa possibilidade, aproveite e entre em contato com a Compass 3D. Temos a solução que você procura para tratamentos ortodônticos e para garantir um sorriso ainda mais bonito!