Para que o profissional de odontologia consiga se destacar no mercado, não basta ter apenas bons conhecimentos sobre a sua área de atuação, também é preciso saber gerir um negócio, para que se possa alcançar bons resultados financeiros e criar uma boa relação com seus pacientes.

Pensando nisso, resolvemos criar uma lista com algumas dicas que são essenciais para uma boa gestão de consultório. Continue com a leitura e saiba quais são elas agora mesmo!

Selecione fornecedores de qualidade

Tudo começa na hora de contratar os fornecedores para a clínica. Quando se escolhe empresas com boa reputação e que oferecem produtos de qualidade, seu negócio passa a ter mais credibilidade, o que contribui para que os clientes fiquem satisfeitos.

Por outro lado, analisar somente o fator “preço” e optar por um contrato mais barato, em detrimento da qualidade, pode prejudicar o seu atendimento e os serviços prestados, causando uma imagem negativa.

Invista em infraestrutura

A infraestrutura de uma clínica também é fundamental para o negócio. Não se trata apenas de escolher uma boa decoração e iluminação adequada. Um ambiente aconchegante, organizado e que transmite seriedade afeta a experiência dos pacientes.

Essas questões também estão ligadas à imagem que a clínica transmite para o seu público. Portanto, é necessário escolher bem os móveis, os equipamentos, a iluminação e sempre lembrar de realizar manutenções nesses espaços.

A recepção merece uma atenção especial, já que ela pode ser uma espécie de “cartão de visitas” para os potenciais pacientes que chegam na clínica.

Otimize o atendimento

O atendimento aos pacientes é crucial para o sucesso do negócio, já que, sem eles, o negócio deixa de ter razão de ser.

Sendo assim, o ideal é investir no treinamento dos colaboradores, buscar entender as necessidades dos pacientes e atendê-las, tentar criar diferenciais e criar um relacionamento diferenciado, que ajude a fidelizar essas pessoas — e até mesmo fazer com que elas indiquem a clínica para outras.

Acompanhe os resultados de perto

Como dito inicialmente, também é preciso ser um bom gestor para conseguir obter resultados aprimorados no consultório. Isso quer dizer que é necessário acompanhar o desempenho dos processos, realizar análises, tomar decisões e criar um planejamento de curto, médio e longo prazo.

O monitoramento dos resultados financeiros é ainda mais importante, já que a saúde financeira é o fator que mais contribui para a perenidade do negócio.

Sendo assim, é ideal avaliar indicadores como faturamento, lucratividade, rentabilidade, recebimentos e endividamento, por exemplo, além de identificar as melhorias que podem ser feitas — principalmente no que tange à redução de custos.

Invista em tecnologia para otimizar a gestão de consultório

A tecnologia tem evoluído de tal maneira que cada vez mais surgem soluções voltadas para a otimização dos processos empresariais. Para ajudar a melhorar seus resultados, vale a pena investir em um sistema de gestão que automatize rotinas de atendimento, financeira e de compras, por exemplo.

Os benefícios da implantação de um software são vários, dentre eles a redução de custos, aumento da produtividade, melhoria no relacionamento com os pacientes e uma tomada de decisão mais acertada (com base nos relatórios que podem ser gerados e ajudam a compreender o andamento das atividades).

Quando se fala de melhorar os resultados da gestão de consultório, é mais do que indicado agir como um gestor que cuida da sua empresa, acompanhando todas as áreas, encontrando oportunidades de melhoria e, principalmente, mantendo o foco nos pacientes e como satisfazê-los.

O que achou deste artigo? Quer continuar acompanhando nossas publicações? Então assine a nossa newsletter agora mesmo e receba todas as atualizações em primeira mão!