Você sabe por que uma boa gestão de pessoas na saúde pode ser decisiva na hora de impulsionar o seu consultório? Já se passou o tempo em que os trabalhadores eram vistos como meros números. Atualmente, o grande diferencial de uma empresa está na preocupação com a sua equipe de colaboradores.

E isso não é diferente na área da saúde. Um dentista empreendedor sabe que engajar o seu pessoal por meio de uma boa administração é fundamental para manter a clínica funcionando com o máximo de desempenho.

Esse cuidado deve começar na contratação dos profissionais, passando pela motivação constante da equipe e por uma estratégia que potencialize a produtividade em todas as funções. Quer saber como fazer isso? Confira as nossas dicas:

1. Conheça a equipe e suas especialidades

Preze pela cultura organizacional do seu consultório na hora de contratar os seus colaboradores. Saiba exatamente o que você espera da equipe e quais são as habilidades necessárias em cada função para escolher corretamente e manter todos os profissionais da clínica muito bem alinhados.

Começando pela recepção dos pacientes e chegando até os demais dentistas, analise cuidadosamente o perfil de cada candidato e conheça suas principais características para ter certeza de que o time trabalhará em prol do desenvolvimento da clínica.

2. Atribua metas e tarefas específicas

O inimigo de um bom gestor é o sentimento de frustração por não “dar conta” das multitarefas. Engana-se muito quem pensa que rende mais quem produz muito — a quantidade de funções em nada acompanha a qualidade dos serviços.

Esse mesmo raciocínio se estende a toda equipe. Se você quer alcançar melhores resultados, saiba que uma gestão de pessoas na saúde compreende a atribuição de tarefas específicas para cada um.

Manter um funcionário atualizando as redes sociais, um nos processos financeiros e outro cuidando das agendas e da gestão de documentos é muito melhor do que atribular um único colaborador com dezenas de atividades.

Mais que isso, trabalhe com metas de curto, médio e longo prazo. Esse cuidado impulsiona a produtividade e garante mais organização nos objetivos da clínica.

3. Proporcione autonomia à equipe

Uma das práticas que mais contribui com o engajamento dos funcionários é dar autonomia para a equipe. Ao contrário do que pode parecer, dar mais liberdade para cada um exercer suas funções à sua maneira, em vez de gerir cada mínimo detalhe com mão de ferro, melhora os resultados do consultório.

Parece difícil de entender? Na realidade, é tudo uma questão de confiança. Lembre-se de que seus colaboradores foram escolhidos a dedo e que cada perfil foi analisado minuciosamente.

Assim, você pode ficar tranquilo e certo de que seus profissionais realizarão um ótimo trabalho. Ninguém melhor do que eles próprios para saberem de que forma cada atividade é executada com mais eficiência.

4. Invista no desenvolvimento profissional

Por fim, a dica de ouro: invista continuamente no desenvolvimento profissional da sua equipe. Não há nada que motive mais um trabalhador do que saber que o seu gestor se preocupa com o aprimoramento das suas habilidades.

Por isso, pense em elaborar um plano de carreira, além de promover constantemente a atualização dos conhecimentos da equipe, especialmente se você está investindo, também, em tecnologia no consultório.

Manter uma boa gestão de pessoas na saúde é fundamental para que os seus serviços tenham cada vez mais qualidade e, dessa forma, seja possível alcançar a satisfação dos pacientes.

E aí, gostou das dicas? Então não se esqueça de assinar a nossa newsletter para receber mais conteúdos sobre as novidades da odontologia!